Agende sua consulta pelos telefones: (19) 3234.8264 | (19) 9.9921.8001

Instituto Bragheto de Fertilidade - Rua Eduardo Lane, 380 - Guanabara - Campinas / SP - Cep: 13.073-002

© 2018 Todos os conteúdos desse site são de propriedade do Instituto Bragheto.

Como devo fazer para engravidar depois do aborto?

November 23, 2016

 

Perder um bebé é um momento complicado em que a mulher é posta à prova, tanto a nível físico como psicológico.

 

É uma altura muito sensível, em que tudo o que foi imaginado e pensado para o bebé, se desvanece.

 

No entanto, a vontade de ser mãe é sempre mais forte e é normal que, passado algum tempo, a mulher comece a pensar novamente em ter um bebé.

 

Quando voltar a tentar?

Depois de uma perda, a recuperação emocional geralmente é mais demorada  que a recuperação física. O ideal será esperar entre 3 a 6 meses para tentar engravidar novamente. Este é o tempo que o seu organismo precisa para voltar à normalidade, e o seu sistema reprodutor volta a estar regularizado. Nessa altura, deve consultar o seu Médico ou Enfermeiro Especialista, para voltar a preparar a gravidez.

Depois de um aborto espontâneo, pode começar a ovular em 3 a 4 semanas. Nesta altura, o útero ainda se encontra fragilizado, pelo que é aconselhável usar métodos contraceptivos como a pílula ou preservativo para evitar uma nova gravidez em tão pouco tempo. O risco de sofrer um novo aborto aumenta em 50% se não optar por regularizar o ciclo menstrual antes de voltar a tentar engravidar.

 

Quando voltar a ter relações sexuais?

Ao sofrer um aborto, o corpo vai naturalmente demorar algum tempo para se reestruturar. Inicialmente, é normal ter perdas sanguíneas, por isso as relações sexuais não são aconselháveis nesta fase, pelo risco acrescido de infeção. Deve usar métodos contraceptivos e esperar pacientemente que o seu organismo recupere e esteja preparado para receber um novo ser.

 

Fatores psicológicos

A perda de um bebé, esperado e desejado, é sempre uma altura frágil em que a mulher se questiona sobre o porquê do que aconteceu. Converse com o seu companheiro, e falem abertamente sobre o que se passou, sem mágoas. Deve falar com o seu Médico e Enfermeiro Especialista e tirar todas as dúvidas que a acompanham relativamente ao aborto e seus efeitos.

O exercício físico, assim como ocupar-se com coisas que gosta de fazer, como ler, ouvir música ou ir ao cinema, podem ajuda-la nesta fase mais difícil. Terapias como o reiki, yoga, ou pilates ajudam a relaxar e a melhorar os níveis de stress e ansiedade.

Please reload

Postagens recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Pesquise pelas Tags